paguemenos-177

A rede de drogarias Pague Menos vem expandindo a participação de seus produtos de marca própria e o investimento da companhia no segmento. A venda da categoria cresceu 26% no ano passado, na comparação anual, e a rede expandiu em 12% o portfólio da linha de produtos, que passou a abranger cerca de 1.239 itens.

No total, segundo a empresa, foram comercializados 20,6 milhões de unidades no período, representando um faturamento de aproximadamente R$ 354 milhões. Com o resultado a categoria já representa 6% do faturamento total da varejista. A fatia sobe para 20% quando considerados apenas os produtos que não são medicamentos.

O aumento da demanda por esses produtos, que possuem um preço consideravelmente menor, em comparação com marcas tradicionais, se deu por conta da aposta da empresa na expansão para regiões com uma renda menor.

PERFIL DA EXPANSÃO

“Nosso projeto de expansão geográfica priorizou, nos últimos anos, cidades com o máximo de 80 mil habitantes, com menor poder de compra em proporção às grandes capitais, o que contribuiu para elevar a demanda nesse segmento”, disse, em nota, o gerente de compras especiais da companhia, Franzé Barros.

De acordo com ele, o investimento na categoria é positivo para a marca porque ajuda a elevar a fidelização dos consumidores com a marca. “Hoje temos 72 fornecedores ativos especialmente para a marca própria, distribuídos por todas as regiões do país”, complementa o executivo.

LINHAS DE MARCA PRÓPRIA

O portfólio de linha própria da rede abrange produtos de cosméticos, higiene pessoal, perfumaria e primeiros socorros. As marcas próprias da rede atualmente são: a Amorável, Dauf, Pague Menos, Power Vita, Balance, ProVider, Gnano, Hiulife, Cepura, Atividay, Speed+, entre outras.

(Por Mercado & Consumo) varejo, núcleo de varejo, retail lab, ESPM