>Neste ano e no próximo, as três maiores redes de supermercados vão investir mais nos consumidores das classes C e D. Os empresários acreditam que podem expandir os negócios.

Deixe uma resposta